Cachoeirinha 27 de Junho de 2017

Porto Alegre

Capital recebe R$237 milhões para investir em drenagem

Porto Alegre foi contemplada pelo governo federal para investimentos em drenagem

Porto Alegre foi contemplada pelo governo federal para investimentos em drenagem Recursos são do Plano Nacional de Gestão de Risco e Resposta a Desastres / Divulgação PMPA

Porto Alegre foi contemplada com R$ 237 milhões do governo federal para investimentos em drenagem urbana. Os recursos, concedidos a fundo perdido (sem exigência de reembolso), são provenientes de verba do Plano Nacional de Gestão de Risco e Resposta a Desastres Naturais. As obras e projetos selecionados foram elaborados pelo corpo técnico de engenheiros do Departamento de Esgotos Pluviais (DEP). O órgão tem prazo de 48 meses para executar os serviços.

Obras previstas:

Sistema de Proteção contra as Cheias - A obra beneficiará toda a cidade. Está planejada a reforma e a ampliação da capacidade de bombeamento de 13 casas de bombas do DEP (as de número 1, 2, 3, 4, 5, 6, 10, 12, 13, 14, 15, 16 e a da Vila Farrapos). As estruturas ainda passarão a operar com gerador próprio, garantindo o desempenho mesmo em caso de queda de energia elétrica.

Bacia do Arroio Areia - A obra contemplará os bairros Anchieta, Boa Vista, Bom Jesus, Chácara das Pedras, Cristo Redentor, Higienópolis, Humaitá, Jardim Carvalho, Jardim Floresta, Jardim São Pedro, Passo D'Areia, Santa Maria Goretti, São João, Três Figueiras, Vila Ipiranga e Vila Jardim. Serão implantadas sete bacias de detenção e ampliados os condutos de macrodrenagem em diversos bairros e pontos. A casa de bombas Silvio Brum e o canal do arroio Areia também passarão por reformas.

Bacia do Arroio Moinho - A obra abrangerá os bairros Agronomia, Cascata, Cel. Aparício Borges, Partenon, São José e Vila João Pessoa. Haverá a fixação das margens do Arroio Moinho, bem como a construção de dois quilômetros de muro de arrimo para sua contenção. As famílias que ocupam a área, considerada de risco e de preservação permanente, serão realocadas para locais adequados e seguros. A obra compreende ainda a implantação de um coletor geral com 1.290 metros de galerias de concreto armado, 132 metros de tubos, poços de visita e bocas de lobo.

Projetos executivos a serem elaborados:

Bacia do Arroio Guabiroba - A intervenção compreende os bairros Belém Novo e Ponta Grossa. Haverá a execução de um canal de macrodrenagem para evitar que as cheias dos arroios Guabiroba e Salso provoquem alagamentos no loteamento Parque Agrícola Albion, no bairro Ponta Grossa. Essa medida viabilizará a regularização fundiária das moradias e a pavimentação viária do terreno.

Bacia do Arroio Manecão - O estudo abarca o bairro Lami e o Extremo-Sul da cidade. Serão implantados sete reservatórios de detenção em diversos locais, uma casa de bombas na Vila Jardim Floresta e diques de proteção contra cheias na Vila Jardim Floresta e praia do Lami. Ainda haverá a adequação da capacidade hidráulica de bocas de lobo, pontes e calhas da região.


Secom/PMPA

 




Data de publicação: 22/05/2013 - 16:54:18

Postar comentário

Serão rejeitadas mensagens que desrespeitem a lei, apresentem linguagem ou material obsceno ou ofensivo, sejam de origem duvidosa, tenham finalidade comercial ou não se enquadrem no contexto do site. A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Os leitores e usuários desse site encontram-se sujeitos às condições de uso do Clic Tribuna e se comprometem a respeitá-las.






Nome:

E-mail:

Mensagem:

Imprimir Indique a um amigo
Seu Nome

Seu Email

Email do Amigo
 
Comentários

Redes sociais

Publicidade Flores da Cunha AO VIVO PublicidadePublicidade Publicidade Publicidade Publicidade Publicidade Publicidade Publicidade
Nossos produtos

Portal Clictribuna
Guia Comercial
Jornal Tribuna - Digital




Política de  Privacidade

Termos de Uso do Site
Atendimento

contato@clictribuna.com.br
Cachoeirinha
Rio Grande do Sul

(51)  9677.1086